21 de maio de 2015

JORDÃO: Elson Farias assina ordem de serviço para construção da 'escola modelo' do município

O ato oficial de assinatura da ordem de serviço da escola modelo de Jordão, aconteceu na manhã desta quarta-feira, 21, no plenário do legislativo municipal e contou com a participação de vereadores, secretários municipais, alunos e gestores escolares.
O projeto prevê a construção do espaço educativo urbano de 12 salas de aula, no bairro Lindolfo Mateus, rua Governador Romildo Magalhães, para atender toda a comunidade escolar e a população jordanense, com um espaço confortável para desenvolver suas habilidades estudantis. O valor é de R$ 3.533.783,43 (três milhões quinhentos e trinta e três mil setecentos e oitenta e três reais e quarenta e três centavos). Saiba mais
Prefeito recebe equipe técnica da Amac
Ainda nesta manhã o prefeito reuniu-se, em seu gabinete, com o secretariado municipal e a equipe técnica da Associação dos Municípios do Acre (AMAC). Os membros do órgão vieram ao município de Jordão a convite do próprio prefeito, para que pudessem nivelar as ações do município junto a instituição, os projetos do município que estão tramitando em Brasília, ver as dificuldades enfrentadas e de alguma forma auxiliar a saná-las.  Saiba mais
Prefeitura realiza III Conferência Municipal de Saúde
Na ultima terça-feira, 19, a Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA) realizou, no Centro de Cultura e Florestania, a abertura da Conferencia Municipal de Saúde. O evento contou com a participação dos servidores da pasta, usuários, técnicos em saúde do estado, conselheiros da saúde municipal e estadual, do prefeito Elson Farias e do vice, Raimundo Nazareno de Aragão. Saiba mais

TK/ FJ: Deputado Jesus Sérgio pede a realização de Blitzes educativas nos municípios

Deputado Jesus Sérgio (foto:Assessoria/Aleac)
Na abertura dos trabalhos legislativos desta quinta-feira, 21, o deputado estadual, Jesus Sérgio (PDT), apresentou uma Indicação solicitando ao Poder Executivo, por meio do Departamento Estadual de Trânsito do Acre (Detran) a realização de ações educativas de trânsito nos municípios de Tarauacá e Feijó.
Segundo o parlamentar, as ações têm como objetivo primordial educar condutores e pedestres para que possam se adequar as Leis de Trânsito e provocar uma mudança de comportamento na população.
Jesus Sérgio informou ainda a necessidade do Detran realizar a Operação Álcool Zero, a fim de coibir a circulação de motoristas sob efeito de álcool. Para reforçar ainda mais o pedido, o parlamentar solicitou junto ao órgão competente uma reunião com o diretor geral do Detran, Gemil Junior, a fim de reforçar o pedido e dar maior celeridade à solicitação.
Assessoria

19 de maio de 2015

ACRE: Prefeituras administradas por petistas levam nota zero em transparência

unnamed
Duas prefeituras administradas por gestores da Frente Popular do Acre: Acrelândia e Feijó, levaram nota zero no índice que mede a transparência pública em estados e municípios brasileiros (EBT). Os gestores são os petistas Jonas Dalles e Merla Albuquerque.
No mapa de desempenho dos estados, o município de Feijó, que tem mais de 32 mil habitantes, é o pior avaliado, ocupa a 466º posição no ranking nacional. Acrelândia, 13,6 mil habitantes está em 375º lugar. Em todo o Brasil 63% das prefeituras levaram nota zero.
Nota azul – O município de Rio Branco está entre as onze capitais melhores avaliadas em transparência. A agência de comunicação da prefeitura administrada pelo prefeito Marcus Viana, comemorou a colocação anunciada pela Controladoria Geral da União e lembrou que em 2013, o prefeito Marcus Alexandre foi um dos palestrantes do Dia Internacional de Combate à Corrupção.

Ac24Horas

JORDÃO: Elson Farias garante apoio do governo para reabertura de ramal

Agenda foi acompanhada pelo deputado Jenilson Lopes (Foto: Jardy Lopes)
Kezio Araújo, do Blog Fala Jordão – falajordao@gmail.com
O prefeito de Jordão, Elson Farias, participou na última segunda-feira, 18, em Rio Branco, de uma reunião com o diretor-presidente do Departamento de Estrada de Rodagem do Acre (Deracre), Cristovam Pontes Moura e com diretor de Operações do Deracre, major Oliveira. O encontro teve como objetivo, firmar a parceria entre o governo do Estado e a Prefeitura, para a reabertura de ramal no município de Jordão.
Foi acordado que, ao longo da semana a prefeitura estará fazendo contato com o Ministério Público Federal (MPF) para discutir a legalidade e necessidade do ramal que interliga o município de Jordão à comunidade Novo Porto, no rio Muru. A partir desse ponto, o governo do Estado estará disponibilizando recursos para realizar a reabertura do ramal.
“Há uma ação no MPF que ameaça o nosso ramal. Ameaça aquelas pessoas que residem no Novo Porto e comunidades próximas, que tanto necessitam dessa estrada. Além de viabilizar progresso o ramal já foi utilizado para salvar muitas vidas”, disse o prefeito Elson Farias afirmando que a ação contém peças de informações distorcidas da realidade.
Na oportunidade, Farias voltou a pautar a pista do aeródromo municipal, destacando que o problema vai além de simples reparos, havendo necessidade de maior infraestrutura. “Nesta etapa o governo estará nos auxiliando com as devidas condições para que possamos acessar o Ministério da Defesa e buscar recursos para desenvolvermos um projeto maior”, concluiu o prefeito.
Após cumprir a agenda em Rio Branco, Elson Farias retornou à Jordão, nesta terça-feira, 19. O prefeito deverá viajar à Brasília no próximo mês, quando participará de audiência junto ao Ministério da Defesa.

JORDÃO: Indígena grávida fica inconsciente por mais de 18 horas e é encaminhada para Rio Branco

O caso aconteceu na noite do ultimo domingo, 17, na Aldeia Canafista, localizada no município de Jordão, interior do Acre (Foto: Blog do Tom)
Grávida de oito meses a indígena Dulcilene Sabino Kaxinawá sofreu um desmaio repentino na Aldeia Canafista, no Rio Jordão, e precisou ser encaminhada com urgência, inconsciente, em uma aeronave da UTI aérea à capital acriana, Rio Branco.
A paciente deu entrada ainda desacordada na unidade. “Todos os procedimentos possíveis foram realizados na Unidade de Jordão, sendo solicitado um avião UTI para que a mesma pudesse ter um tratamento especializado em Rio Branco. Seu estado de saúde é gravíssimo”, destacou Dr. Márcio, médico da unidade.
Segundo o esposo da vítima, o senhor Rosaldo Carlos Silva Kaxinawá, a mesma desmaiou às 22 horas de domingo e só foi trazida à Unidade Básica de Saúde do município por volta das 11 da manhã de segunda-feira, devido à distância e ao transporte, feito em pequena embarcação. “Ela reclamava de fortes dores na barriga e na cabeça”, relembra o indígena.
Já eram por volta das 16 horas quando a aeronave decolou de Jordão com a indígena, que seguia respirando através de aparelhos e estava acompanhada de uma equipe médica especializada e de seu esposo.
Com informações do Blog do Tom

RIO BRANCO: Polícia tenta desmontar facção criminosa no Rui Lino

190515-policia-helicopterojoaodonato-agencia
70 homens da Polícia Civil e Força Nacional participam (Foto: Agência de Notícia do Acre)
Uma grande operação policial, denominada Operação Ócio", foi realizada na madrugada desta terça-feira. Mais de 70 homens da Polícia Civil e da Força Nacional participaram da operação. Por enquanto, apenas uma pessoa foi presa, apesar de 12 pessoas terem sido encaminhadas à delegacia para prestar esclarecimentos. Os policiais cumprem 12 mandados de busca. Os envolvidos são acusados de pertencer a um grupo que se autodenomina “Facção do Rui Lino”, já estão presos.
O helicóptero Comandante João Donato foi utilizado durante toda operação. A direção da Polícia Civil apresenta agora pela manhã os detalhes da operação na sede da Secretaria de Estado de Polícia Civil.
Mais detalhes a qualquer momento.

Agazeta.net

MARECHAL THAUMATURGO: Bolsas de estudo para 2015.2 estão disponíveis no município

EducaMaisBrasil_Logo.png
Estão abertas as inscrições para o Educa Mais Brasil, programa de inclusão educacional que disponibiliza bolsas de estudos de até 70% para estudantes que não têm condições de pagar o valor integral da mensalidade em instituições de ensino particulares. No Acre estão sendo ofertadas mais de 9.900 mil vagas para o segundo semestre de 2015, distribuídas entre instituições de ensino de seis municípios. Em Marechal Thaumaturgo há oportunidades para  Pós-Graduação.
Os candidatos às vagas podem escolher entre os cursos disponíveis no site. “Ao conceder bolsas de estudo em diversas etapas do ensino, contribuímos para a capacitação de profissionais e por consequência de uma mão de obra qualificada. Esses profissionais certamente terão mais condições de colaborar para o crescimento econômico-social do país”, afirma Andréia Torres, Diretora de Expansão e Relacionamento do Educa Mais Brasil.

Para conseguir o benefício, o candidato deverá acessar a página oficial do programa www.educamaisbrasil.com.br e realizar a inscrição. Mais informações podem ser adquiridas na central de atendimento: Capitais e regiões metropolitanas 4007-2020 e demais localidades 0800 724 7202.
Samara Rodrigues, Assessora de Imprensa

Luan Santana e Lucas Lucco serão as atrações da ExpoAcre 2015


Icones OS fazer sertanejo universitário Luan Santana e Lucas Lucco Serao como principais atrações de da Expoacre 2015. A Informações was confirmada Pela Equipe de Promotores de da Empresa Organizadora de dos shows.

INFORMAÇÕES DOS Segundo promotores, Luan desen se apresentar na Noite do dia 31 e Lucas Lucco must subir ao Palco nenhum dia 1 de agosto. Um dado da venda dos Ingressos AINDA Será divulgada.

O Maior evento Agropecuário do Estado, no Parque de Exposição Marechal Castelo Branco, ocorrerá between Os Dias 25 de julho a 2 de agosto.

Da Redação ac24horas

GOVERNO DO ACRE: NOTA OFICIAL

Após notícias informando sobre possíveis mudanças na equipe de governo envolvendo a troca de posições entre os titulares das secretarias de Saúde e da Gestão Administrativa, o governador Tião Viana, atento ao grande número de mudanças em curso nas duas pastas que executam ações fundamentais para o sucesso do segundo mandato deste governo, decidiu solicitar a permanência do secretário Armando Melo, na Saúde, e da secretária Sawana Carvalho, na Gestão Administrativa.
Armando Melo e Sawana Carvalho são dois jovens acreanos afinados com os desafios do século XXI, com o compromisso público e os valores éticos imprescindíveis para desenvolvimento do Acre.

Por Leonildo Rosas, Porta-voz do Governo do Estado do Acre

18 de maio de 2015

Servidores da Saúde se mobilizam e criam campanha #ficaArmando

armando_melo_foto_luciano_pontes
Quem um dia imaginou que os servidores de um setor, ainda mais complexo como a Saúde, poderia promover uma campanha pela permanência de um secretário?
Pois é isso que está acontecendo. Desde o dia em que o governador Sebastião Viana resolveu antecipar que o atual chefe da pasta, o procurador Armando Melo, não será mais o Secretário de Saúde, entre os servidores do setor há uma mobilização para a permanência dele. Uma dor de cabeça para Sebastião Viana que escolheu a atual secrertária de Gestão Administrativa, Sawana Carvalho, para o lugar de Armando, que vai voltar para a SGA.
No grupo de WhatsApp da Saúde há vários pedidos pela permanência de Armando. No Facebook, internauta Neca Cavalcante pede ao procurador que “fique no cargo pelo trabalho que vem sendo feito em favor da população e pelos servidores da Saúde”.
Há, inclusive, uma mobilização para que cerca de dois mil servidores da Secretaria de Saúde compareçam, na semana que vem, à solenidade de entrega de 12 ambulâncias, em frente ao Palácio Rio Branco, para pedir a Sebastião Viana durante o evento a permarnência do atual secretário.
Procurado por ac24horas, Armando Melo se mostrou surpreso e ao mesmo tempo agradeceu o “carinho dos servidores”. “Como eu não tenho Facebook não vi nenhuma coisa nesse sentido, mas eu fico muito feliz pelas amizades que construi na Saúde, pelos servidores da Saúde. Não imaginava que seria assim. Fico muito grato”, disse.
Como o martelo foi batido pelo governador Sebastião Viana, Armando Melo diz que “seria algo constragedor, já que a decisão já foi tomada e não tem volta”.
Durante o tempo em que permaneceu na Saúde, pouco mais de quatro meses, Armando Melo ficou conhecido por desburocratizar o setor e pelo trato com os servidores, além de melhorar a humanização no atendimento, o que sempre foi o calcanhar de Aquiles do governo do médico Sebastião Viana.
Ainda ao ac24horas, Armando Melo informou que está saindo da pasta por questão de afinidade e não por imposição do governador. “Eu conversei com o governador. Nós conversamos e vimos essa questão da afinidade, não foi nenhuma imposição. Foi questão de perfil”, disse o secretário explicando sua saída da Saúde para a SGA.
Ac24Horas

Depen prorroga inscrições para 258 vagas em concurso

O Departamento Penitenciário Nacional (Depen) prorrogou as inscrições do concurso público para 258 vagas em cargos de níveis médio/técnico e superior. Agora, os candidatos podem se inscrever até as 18h desta segunda-feira (18). Os salários vão de R$ 3.679,20 a R$ 5.403,95.
Do total das oportunidades, 5% são reservadas para pessoas com deficiência e 20% para negros. No site do Cespe/UnB, é possível ver o edital (acesse aqui).
Os cargos de nível superior são para especialista em assistência penitenciária e especialista em assistência penitenciária nas áreas de enfermagem, farmácia, pedagogia, psicologia, serviço social e terapia ocupacional.
As vagas de nível médio/técnico são para agente penitenciário federal, técnico apoio à assistência penitenciária – técnico de enfermagem.
Os candidatos serão lotados na sede do Depen, em Brasília, ou em uma das cinco penitenciárias federais localizadas em Brasília, Campo Grande, Catanduvas (PR), Mossoró (RN) e Porto Velho.
As inscrições devem ser feitas pelo site www.cespe.unb.br/concursos/depen_15. A taxa varia de R$ 75 a R$ 95.
A primeira fase é composta pelas provas objetivas, prova discursiva, exame de aptidão física, avaliação médica, avaliação psicológica e investigação social. A segunda fase consiste em curso de formação profissional.
As provas objetivas serão aplicadas na data provável de 28 de junho, no turno da tarde. A primeira fase do concurso e a perícia médica dos candidatos que se declararem com deficiência serão realizadas nas capitais das 26 unidades da federação, no Distrito Federal e nas cidades de Catanduvas (PR) e de Mossoró (RN). O concurso terá validade de 2 anos e poderá ser prorrogado, uma vez, pelo mesmo período.
Com informações de agências nacionais

Inscrições para o Enem 2015 iniciam no dia 25 de maio

O Ministério da Educação publicou, na edição desta segunda-feira (18) do “Diário Oficial da União”, o edital com as regras da edição de 2015 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). As provas serão realizadas em 24 e 25 de outubro, e as inscrições serão abertas às 10h da próxima segunda-feira, dia 25 de maio.
As datas das provas foram anunciadas pelo ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, na quinta (14), em Brasília. Nesta edição, o Enem sofreu diversas modificações, principalmente em relação ao valor da taxa de inscrição, e a medidas de segurança que alteraram o horário das provas.
DATA DAS INSCRIÇÕES: As inscrições ocorrem entre as 10h de 25 de maio e as 23h59 de 5 de junho. Para quem não conseguir isenção, a inscrição só será “confirmada” após o pagamento da taxa de R$ 63 até as 21h59 do dia 10 de junho.
TAXA DE INSCRIÇÃO: Sofreu aumento pela primeira vez em mais de dez anos. Até 2014, o valor era R$ 35. Agora, passa a ser de R$ 63.
ISENTOS DE TAXA: Estudantes da rede pública no último ano do ensino médio estão automaticamente isentos. Além deles, podem obter isenção candidatos que comprovarem carência, segundo as regras do edital.
Segundo o edital, a solicitação de isenção do pagamento da taxa de inscrição somente poderá ser realizada no sistema de inscrição por meio da declaração de carência socioeconômica e durante o período de inscrição.
Os demais candidatos, mesmo que tenham feito ou estejam fazendo o ensino médio integralmente na rede pública, precisarão pagar a taxa. Segundo o ministro, cerca de 30% das provas impressas acabam sem uso por causa das abstenções. Para tentar diminuir as faltas, o MEC afirmou que estudantes liberados do pagamento que não forem às provas vão perder o direito à isenção na próxima edição.
DURAÇÃO DAS PROVAS: No primeiro dia, ciências humanas e ciências da natureza terão 4 horas e meia de duração. No segundo dia, linguagens, matemática e redação terão 5 horas e meia de duração.
HORÁRIOS DAS PROVAS: Portões serão fechados às 13h (horário oficial de Brasília). Mas, dessa vez, as provas só começam 30 minutos depois do fechamento dos portões, ou seja, às 13h30, no horário de Brasília.
SABATISTAS: Os sabatistas no Acre, Amazonas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Roraima poderão fazer as provas do sábado às 19h do horário local. Nos demais estados, a prova do primeiro dia para os sabatistas começa às 19h do horário de Brasília.
ATENDIMENTO ESPECIALIZADO E ESPECÍFICO: Além das necessidades especiais e atendimentos específicos já contemplados nas edições anteriores (como estudantes cegos ou com baixa visão, surdos, com deficiência física, gestantes e lactantes), o Enem também terá atendimento especializado para quem tem visão monocular e discalculia.
CANDIDATOS E CANDIDATAS TRANS: Pela segunda vez consecutiva, o MEC aceitará que os estudantes travestis e transexuais usem o nome social durante a prova. Para isso, o estudante precisa enviar a cópia do documento de identidade e preencher um formulário específico, incluindo uma foto recente, no sistema de inscrição. O prazo para o envio desses dados acontece entre 15 e 26 de junho.
CARTÃO DE INSCRIÇÃO: Deixará de ser impresso pelo MEC e enviado pelos Correios. Agora, terá que ser baixado ou consultado diretamente no site do Enem, opção que já existia no passado. O documento serve para orientação e não precisa ser apresentado no exame.
MEDIDAS DE SEGURANÇA: Não será possível usar o mesmo e-mail para fazer mais de uma inscrição. Além disso, todos os candidatos deverão informar número de telefone (celular ou fixo) válido. Eles também terão que criar uma pergunta e resposta de segurança no login.
O detector de metal será novamente aplicado nos locais de prova. Nos dias de realização do Exame, segundo o edital, “o participante poderá ser submetido à revista eletrônica nos locais de provas, a qualquer momento, por meio do uso de detector de metais”.
TOTAL DE PARTICIPANTES: Estimativa de mais de 9 milhões de inscritos. No ano passado foram 8,7 milhões, dos quais 6,2 milhões de fato compareceram. O MEC estima que neste ano 850 mil pessoas trabalhem na aplicação da prova, envolvendo quem atua nos locais de prova e quem distribui as provas: Exército, Marinha, Aeronáutica e os funcionários dos Correios.
Mudanças e economia
O MEC busca economia de até 20% no custo do Enem 2015. O valor alcançado pode ser de ao menos R$ 90 milhões com o aumento da taxa de inscrições, medidas contra faltas e mudança no envio do cartão de inscrição.
“Nossa meta principal é fazer o Enem, não fazer economia. Mas, se for possível, vamos fazer economia”, disse Ribeiro. A estimativa é que o custo médio da aplicação da prova por estudante seja de R$ 52.
O ministro justificou o reajuste da taxa após 10 anos. “Tudo subiu na sociedade e esse valor está o mesmo desde muito tempo”, disse Ribeiro. Ele afirmou que o reajuste considerou a variação inflacionária no período.
Haverá economia também com o envio dos cartões. De acordo com o ministro, serão poupados R$ 20 milhões apenas com o envio virtual da confirmação, segundo Ribeiro. O presidente do Inep, Francisco Soares, esclareceu que o cartão de inscrição terá que ser baixado pelo estudante no site do Enem. O documento serve para consulta e não precisa ser apresentado no local do exame.
Punição para faltas no Enem
Outra medida que trará redução de custos será o corte da isenção para alunos que forem liberados da taxa e faltarem ao exame deste ano. Quem faltar em 2015 terá obrigatoriamente que pagar a inscrição em 2016.
“Uma pessoa não pode ter isenção graças a recursos que a sociedade está pagando, e jogar isso fora. Há uma responsabilidade moral que é preciso assumir. E no escopo educacional, a ética é fundamental. Educação é também ter responsabilidade com os próprios atos”, disse Janine Ribeiro.
Sessenta e cinco por cento dos faltosos do Enem de 2014 eram alunos isentos, segundo o secretário executivo do MEC, Luiz Claudio Costa.
A estimativa é que quase R$ 60 milhões serão poupados com o pagamento de inscrições por alunos que antes estavam insentos.
Justificativa das faltas
Sobre os estudantes isentos que não compareceram à prova, Luiz Cláudio afirmou que o MEC ainda vai definir as regras para justificar a ausência.
“Não posso dar resposta agora. No exemplo do atraso no transporte coletivo, como provar isso? A pessoa pode ser penalizada, mas precisamos ter certeza disso para não virar a justificativa padrão, como aquelas pessoas que ficam doentes e não têm atestado.”
Com informações do G1